Atuamos em todo território Nacional

Anuncie

Empresas em Convênios Médicos e Planos de Saúde

A CF de 1988 garante para todos cidadãos o direito à saúde como atribuição do Estado, mas também, delega a oferta desses serviços à iniciativa privada, ainda que sob o controle do Estado (ANS). Quem deseja qualidade e atendimento rápido, precisa de um Plano de Saúde Privado.

Um pouco de história

No Brasil, o sistema de saúde suplementar começou sua estruturação após a revolução industrial, momento em que surgiram os Institutos de Aposentadorias e Pensões (IAPs), que pertenciam a diversas categorias e representavam os trabalhadores urbanos e que compravam as prestações de serviços de saúde.

Com o decorrer do tempo, a construção de um sistema de saúde suplementar acarretou disputas entre os diferentes setores envolvidos e o avanço ocorreu ao longo de muitos anos, culminando na criação da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e sua posterior implementação.

À ANS coube promover a defesa do interesse público na assistência suplementar à saúde e regular as operadoras setoriais, inclusive em suas relações com os prestadores de serviço e consumidores, contribuindo para o desenvolvimento das ações de saúde.

Com o número de beneficiários ultrapassando os 40 milhões, a ANS é uma realidade e uma necessidade no setor no Brasil.

A ANS possui excelentes possibilidades com a criação, verificação e divulgação de indicadores da qualidade da promoção e dos cuidados integrais da saúde, e a busca pela qualificação das operadoras de seguros de saúde impulsiona a regulação.

Por outro lado, há uma necessidade premente de que a ANS atue mais diretamente nas relações conturbadas entre as operadoras de planos de saúde, os prestadores de serviços e os beneficiários mediando as tensões e contribuindo ativamente para a melhoria do sistema de saúde como um todo.

A Constituição Federal de 1988 veio para garantir o direito à saúde no Brasil de todos os cidadãos como atribuição do Estado e também assegurou a oferta de serviços de assistência à saúde pela iniciativa privada, sob o controle do Estado.

Todavia, foi apenas em 1998, por meio da lei 9656, que foram definidas as regras para o funcionamento do setor de saúde suplementar no país e isso propiciou aos usuários algumas garantias como: proibição de rescisão unilateral de contratos de plano de saúde e submissão ao governo dos índices de reajustes anuais. Ainda em 99, a Agência Nacional de Saúde Suplementar passou a regulamentar todo o setor de saúde no Brasil.

O plano de saúde no Brasil nada mais é do que um seguro que protege as pessoas contra o risco de terem que vir a incorrer em despesas médicas. Estimando esse risco geral das despesas de saúde de um grupo em específico, o plano de saúde garante que o seu beneficiário irá ter disponibilizado para ele todo o tratamento que for necessário em caso do surgimento de uma doença.

No ano de 1997, os planos de saúde já assistiam por volta de 17 milhões de brasileiros. Depois disso, surgiram as cooperativas médicas que foram feitas por meio das leis do cooperativismo e grupos autônomos, empresas de autogestão que gerenciam os planos próprios de saúde para os seus funcionários mediante a contração ou o credenciamento de médicos e serviços e de convênios com hospitais.

No Brasil, a iniciativa privada pode por meio do plano de saúde participar do Sistema Único de Saúde, em caráter complementar, conforme o que consta na lei 8.080/90 e por isso, os planos de saúde estão inseridos no direito à prestação de serviços privados de assistência à saúde no Brasil, onde devem observar os princípios éticos e as normas expedidas pelo órgão de direção do SUS.

No ano de 2010, a saúde no Brasil contava com mais de mil operadoras de planos de saúde e quase 45 milhões de usuários.

As modalidades do plano de saúde no Brasil são: contratos de pessoa física acordados antes e depois de 1999 e contratos ou planos coletivos, estabelecidos entre uma pessoa jurídica e uma operadora do plano de saúde.

Como se sabe, a saúde no Brasil precisa melhorar e muito e por não atender as necessidades dos brasileiros é que há no mercado uma gama de opções de planos de saúde.

Procure um Consultor de Saúde e investigue sobre o plano que melhor possa atender as suas necessidades.

Assistência médica

Convênio médico

Planos de saúde

Planos de saúde empresarial

Planos de saúde familiar

Planos de saúde individual

Planos de saúde sem carência

Planos de saúde com portabilidade de carência

Plano de saúde Amil

Consultoria em saúde

 

Planos de saúde em promoção

DP4 LIFE INSURANCE COMPANY – Seguros e Planos de Saúde

em Convênios Médicos e Planos de Saúde, Sistemas de Segurança

Temos os melhores Planos de Saúde e os mais diversos tipos de Seguro. Atuamos com as maiores e melhores seguradoras do mercado, garantindo a nossos clientes as melhores escolhas e o melhor custo x benefício.

São Paulo, São Paulo 09770070
Brasil

Nova solicitação

Adicionar aos favoritos |Enviar Email

Anuncie